SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS NO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias

Leia poesia e seja solidário, fazendo parte da campanha Viva Miró

Fonte: Ascom Sindsep-PE
29/03/2021




João Flávio Cordeiro da Silva é considerado como um dos maiores poetas contemporâneos de Pernambuco. Uma das vozes mais inventivas da poesia independente do Brasil. Mas provavelmente você não o conheça por este nome. É que a vida rebatizou João Cordeiro com o nome de Miró e o bairro onde reside, a Muribeca, em Jaboatão dos Guararapes, arrematou: é Miró da Muribeca! Foi assim que o poeta pernambucano, com quatro livros lançados nos últimos anos, ficou conhecido.

A poesia de Miró já cativou milhares de pessoas. O Sindsep-PE foi palco de várias apresentações suas, desde o início de sua carreira. Este ano, todos os filiados receberam, em suas residências, um calendário anual de 2021 com poesias selecionadas do artista. 

Mas a vida de Miró não é só poesia. Assolado há alguns anos pelo fantasma do álcool, Miró da Muribeca encontra-se internado em uma clínica de reabilitação desde agosto de 2019. Atualmente, depois de ter contraído Covid-19 no final do ano passado, ele está com a saúde muito debilitada e precisando da ajuda de cuidadores e de atendimento em uma clínica para tratar as sequelas deixadas pelo novo coronavírus. Por isso, amigos do artista juntaram-se para vender seus livros, arrecadar doações e pagar a contratação do profissional em uma campanha chamada Viva Miró. 

“A gente conhece o caso de diversos poetas, alguns deles pernambucanos, que ficaram desamparados quando mais precisavam de ajuda. Não queremos que o mesmo aconteça com Miró. Acho importante preservarmos a poesia como a arte singular que é. Mas também precisamos cuidar de quem produz essa poesia. Não podemos abandonar nossos artistas”, comentou o escritor  e professor do colégio de aplicação, Wellington Melo. 

Como contribuir?

Os interessados em contribuir com a campanha podem adquirir os livros de Miró. Para isso, devem enviar uma mensagem para o perfil oficial do poeta no Instagram: @mirodamuribeca. Estão disponíveis os livros: Miró até agora (que reúne a produção poética de Miró até o ano de 2012), aDeus (2015), O penúltimo olhar sobre as coisas (2016) e o infantil Atchim (2019).

Outra opção é a doação de qualquer quantia em dinheiro usando o Pix: 341.126.264-87 ou por meio de depósito na conta da Caixa Econômica Federal (Agência: 0050 / CC: 37.563-3 / Operação: 001). 

O cotidiano em poesia

Preto e de origem periférica, Miró tem nas ruas do Recife sua principal fonte de inspiração. Seus poemas tratam de fatos do cotidiano de uma cidade como a violência, desigualdade e melancolia, mas também aborda temas como o amor, em seus mais diversos aspectos, a saudade e a vida como um palco de acontecimentos infindos. Além de escrever, o poeta tem como uma de suas principais características a performance. Há quem diga que não basta ler ou ouvir a sua poesia. É preciso ver e ouvir Miró recitá-la.
 

« Voltar

Receba Nosso Informativo

X