SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS NO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias

MST, artistas e religiosos lançam campanha de solidariedade a Cuba

Fonte: Brasil de Fato
04/08/2021



  • Doações enviadas por governos da Rússia, Bolívia, México e Vietnam já começaram a ser distribuídas na ilha - ACN

 

O Movimento dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais Sem Terra (MST), junto a artistas e religiosos, mobiliza-se para enviar 240 kg de sementes e 10 mil toneladas de arroz orgânico para ajudar os cubanos a enfrentar a situação de desabastecimento gerada tanto pelo bloqueio quanto pelas dificuldades econômicas consequência da pandemia. 

Para fazer o envio à ilha, a campanha busca agora arrecadar cerca de US$ 10 milhões. O transporte será realizado pela Câmara Empresarial Brasil - Cuba, já que, por conta da crise sanitária, não há voos comerciais ao país caribenho.

Desde 1962, a ilha socialista sofre com um bloqueio econômico imposto pelos Estados Unidos, que provocou um prejuízo estimado pelo governo cubano em US$ 147,8 bilhões. A medida não só impede o país de importar produtos dos EUA, como também sanciona outros países que tentem comercializar com Cuba. 
Donald Trump, em sua administração, expediu 243 novas medidas coercitivas unilaterais que afetaram principalmente as importações de petróleo, o envio de remessas do exterior, assim como o Banco Financeiro Internacional de Cuba, entidade bancária que arrecadava e reinvestia os dólares que circulavam no país. 

Essas sanções somaram-se às dificuldades geradas pela pandemia num país que tem o turismo como carro-chefe da economia. 

A Casa Branca de Joe Biden manteve o conjunto de políticas de seu antecessor, ainda que este ano, pela 29ª vez, a Assembleia Geral das Nações Unidas ter aprovado uma resolução demandando o fim do embargo,

A iniciativa do MST repete 1992, quando Cuba vivia o chamado Período Especial - década de crise econômica logo após a queda da União Soviética - e foi organizado um Voo da Solidariedade ao país. Agora, Frei Betto, Fernando Morais, Eric Nepomuceno, Chico Buarque e João Pedro Stédile organizam novamente uma campanha para enviar alimentos aos cubanos.

Uma solidariedade internacional 
"Aumenta a solidariedade com Cuba nos momentos mais difíceis. Nossa gratidão e agradecimento aos governos e povos que nos ajudam", declarou o presidente Miguel Díaz Canel. 

Na ilha, as doações já começaram a ser distribuídas pelo Estado na forma de cestas básicas que serão entregues a 3,8 milhões de famílias, dando prioridade aos lares com idosos maiores de 65 anos, mulheres grávidas ou com maior vulnerabilidade social.

Contribua você também:
Câmara Empresarial Brasil-Cuba:
Banco do Brasil – Agência 4770-8 – Conta: 13.844-4 – Pix CNPJ: 34.131.511/0001-64

Edição: Arturo Hartmann

« Voltar

Receba Nosso Informativo

X
Este website utiliza cookies

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência, otimizar as funcionalidades do site e obter estatísticas de visita. Saiba mais