SINDICATO DOS SERVIDORES PÚBLICOS FEDERAIS NO ESTADO DE PERNAMBUCO

Notícias

No segundo turno, diga não às fake news e à compra de votos

Fonte: Ascom Sindsep-PE
26/11/2020




O pão de sua mesa, a geração de emprego e renda, a saúde  e educação públicas, a segurança, mobilidade, o seu salário, as políticas de inclusão social, o meio ambiente, a produção e qualidade dos alimentos, o saneamento básico e a água potável. Tudo isso, e muito mais, são decididos pela política e pelos políticos que exercem o poder. Poder que lhe é conferido através do voto legítimo e democrático da sociedade brasileira. Ou seja, a vida de cada um de nós é decidida pelo voto. 

Estamos a poucos dias do segundo turno das eleições municipais de 2020 em algumas cidades brasileiras. Dentre elas, nossa bela e amada capital, o Recife, e a nossa tão querida Paulista. Pensando no poder da escolha e do voto, é importante que os servidores públicos federais de Pernambuco façam uma análise criteriosa das propostas e dos programas apresentados pelos dois candidatos de cada cidade. Importante que os eleitores observem e reflitam sobre o perfil, os compromissos e a trajetória dos postulantes ao cargo maior do Poder Executivo dos dois municípios. 

É fundamental que o servidor observe e decida de forma livre, democrática e soberana, por intermédio do seu voto, quem mais representa o seu pensamento de sociedade. Faça a opção por quem vai executar as políticas públicas e os serviços públicos visando a melhora da qualidade de vida de todos.       

O Brasil vive um período de incertezas, em que a nossa democracia foi mais uma vez atingida por um golpe. Desde então, a classe trabalhadora tem amargado a retirada de diversos direitos em benefício da elite brasileira e internacional Os grandes empresários e os investidores do sistema financeiro. 

Cabe a classe trabalhadora dar um basta nos políticos que se somaram a favor do golpe de 2016 e contra os direitos conquistados em décadas de mobilização. Cabe a classe trabalhadora votar consciente para retomarmos o projeto de desenvolvimento do país. De quem sempre esteve do lado da democracia e do lado do trabalhador. 

Escolher nomes comprometidos com a classe trabalhadora, com os servidores públicos federais, com o movimento sindical, com o interesse público e preocupados com os problemas cotidianos da população pode fazer a grande diferença. 

Diga não às fake news 

Importante também ficarmos atentos para as mentiras que passaram a ser comuns nas campanhas eleitorais brasileiras. Chamadas de fake news, as notícias falsas têm se multiplicado a cada eleição e confundido a escolha da população. É exatamente para isso que elas servem. Usadas por políticos corruptos, que não têm capacidade de ganhar o eleitorado por meio de propostas, as mentiras contaminam o processo e fazem com que o eleitor não vote justamente em quem irá lhe defender. Isso porque quem espalha fake News não têm escrúpulos e não irá pensar na classe trabalhadora na hora de governar.

Compra de votos

Precisamos ficar alertas ainda para os políticos que compram votos. Esses, depois de eleitos, não têm que dar nenhuma satisfação de seu mandato para o eleitor. Porque o voto foi comprado e pago em dinheiro ou em algum benefício. Isso faz com que esses políticos passem a atuar em interesse próprio ou dos empresários financiadores de suas campanhas. Por isso precisamos dizer não a venda do votos. A melhor forma de combatermos a corrupção na política é votarmos conscientemente em pessoas idôneas. 

Para chegar a uma mudança efetiva, que gere benefícios a cada um de nós e a toda a sociedade é necessário agir coerentemente, votar com responsabilidade e ética e não simplesmente trocar seu voto por qualquer benefício. Muito menos se render a pressões. 

No segundo turno, vote pela democracia! Agora é com você! 
 

« Voltar

Receba Nosso Informativo

X