Filiado à Cut e à Condsef/Fenadsef

Notícias

Servidores vencem primeira batalha contra a PEC-32. Mas luta continua

14/12/2021




Os servidores públicos irão realizar o último ato, de 2021, da vigília permanente contra a proposta de reforma Administrativa (PEC-32) do governo Jair Bolsonaro. O ato final da jornada acontece nesta quarta-feira (15), às 14h, no Anexo II da Câmara Federal. A PEC não está na pauta da Câmara dos Deputados na semana que antecede o recesso legislativo. Mas a luta não acaba aqui. Isso porque o governo já deu todos os sinais de que vai tentar aprová-la em 2022. 

O objetivo do governo é contemplar uma das poucas bases de apoio que ainda possui: empresários  que estão sedentos por obter altos lucros oferecendo serviços que hoje são públicos. É que a PEC-32 visa acabar com os serviços públicos e repassar suas atribuições para a iniciativa privada. 

No último final de semana, em um encontro com empresários, o ministro da Economia, Paulo Guedes, prometeu que a Reforma será aprovada no próximo ano. Ele disse não considerar um problema o fato de 2022 ser ano eleitoral. Recentemente, também em  evento que reuniu empresários, Guedes admitiu que o governo vem usando o orçamento secreto para conseguir aprovar seus projetos no Congresso. 

“Eles estão tendo uma enorme dificuldade em convencer os parlamentares a votar a favor de um projeto que vai promover o desmonte dos serviços públicos e prejudicar toda a população. Os congressistas estão com medo de não serem reeleitos. Mas eles irão oferecer muito dinheiro em emendas parlamentares. Cabe aos servidores, e a toda sociedade brasileira, nos mobilizarmos contra esse absurdo”, comentou o coordenador-geral do Sindsep-PE, José Carlos de Oliveira.  

Segue a luta 

Em 2022, os servidores seguirão firmes na luta até a derrota definitiva da PEC 32. E as redes sociais são uma arma importantíssima. Por meio do site Na Pressão (napressao.org.br/campanha/diga-nao-a-reforma-administrativa), os trabalhadores podem enviar um recado aos deputados: Quem votar a favor da PEC-32, não voltará a ser eleito. Ao acessar a página, o servidor pode mandar seu recado pelo WhatsApp, e-mail ou telefone.

Os servidores também podem ter acesso ao material da Campanha Cancela a Reforma no endereço da Condsef/Fenadsef (www.condsef.org.br/campanhas/cancela-reforma). A campanha também está no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube. Procure por @cancelaareforma. Siga, curta e compartilhe os materiais e ajude a defender os serviços públicos brasileiros. 

Os  funcionários públicos podem ainda acessar a Enquete da PEC 32/2020 e votar na opção Discordo Totalmente. Para votar basta entrar no endereço eletrônico (forms.camara.leg.br/ex/enquetes/2262083).

No WhatsApp

Para receber todas as informações da luta contra a Reforma pelo telefone, basta enviar uma mensagem para o número: (61) 98357-4114. Imediatamente o seu WhatsApp estará cadastrado e ele passará a receber diversas informações. O servidor também pode enviar um oi para o telefone do Sindsep-PE Conectado: (81) 99976-2839. Participe.
 

« Voltar


Receba Nosso Informativo

X
Este website utiliza cookies

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência, otimizar as funcionalidades do site e obter estatísticas de visita. Saiba mais